El Libertario seguirá resistindo a hegemonía comunicacional do Estado venezuelano

Nota pública divulgada pelo coletivo El Libertário da Venezuela (a versão em espanhol pode ser acessada aqui):

Devido a dolarização da economia venezuelana, o controle cambial contínuo pelo governo madurista e a importação de 100% dos insumos para a indústria de artes gráficas, desde o final de 2013 as gráficas do país – incluindo aquela com a qual a 6 anos trabalhamos – estão sofrendo um desabastecimento de matéria prima, especialmente papel. Ele está obrigando muitos jornais do país a reduzir a extensão de suas edições e a a outros a limitar sua difusão ao formato digital, repercutindo especialmente nos meios de comunicação independentes como o nosso.

Esta situação não é somente consequência de erráticas decisões na questões econômicas e o aprofundamento da economia extrativa e rentista na Venezuela, mas também para o governo é uma oportunidade de controlar politicamente os setores não estatais. Como ocorreu com o espectro televisivo, o acesso aos dólares e permissões para a importação de insumos está sendo utilizado pelo madurismo no poder para silenciar qualquer tipo de dissidência e invisibilizar o máximo possível seus excessos e contradições.

Nosso impressor está fazendo todos os esforços para conseguir papel para nossa próxima edição, a de número 72, que deveria estar nas ruas no começo de março de 2014.

Somente se esta situação permanecer circularemos o número unicamente de maneira digital através das redes sociais, esperando no menor tempo possível voltar a edição física, que para nosso coletivo é fundamental no trabalho de difusão das lutas autônomas na Venezuela e a extensão das ideas libertarias. Nos 19 anos temos funcionado de maneira autogestionada e independente, e assim seguiremos fazendo, denunciando as arbitrariedades de qualquer poder e colocando-nos ao lado das vítimas da opressão de qualquer tipo. Convidamos aos amigos, amigas e leitores a participar de qualquer maneira em nossa experiência, seja fazendo conhecer a existência do El Libertario, criando ou retransmitindo o conteúdo, como forma de seguir ampliando a rede antiautoritária e resistir ao avanço da hegemonia estatal entre nós.

www.nodo50.org/ellibertario
http://periodicoellibertario.blogspot.com

One thought on “El Libertario seguirá resistindo a hegemonía comunicacional do Estado venezuelano”

  1. Olá. O link “www.nodo50.org/ellibertario” na verdade está levando à página (inexistente) “https://bibliotecaterralivre.noblogs.org/post/2014/02/08/el-libertario-seguira-resistindo-a-hegemonia-comunicacional-do-estado-venezuelano/www.nodo50.org/ellibertario”.

    Ou seja, o link foi configurado como se fosse uma subpágina de vosso site, quando na realidade trata-se de outro site!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *