Leituras Libertárias #9: A Esquerda que se foi, uma reflexão pessoal de Murray Bookchin

Olá a todos e a todas ouvintes do Antinomia, sejam mais uma vez bem vindos e bem vindas ao Leituras Libertárias, projeto que busca compartilhar um pouco com vocês as nossas leituras sobre a história, teorias e práticas do anarquismo. Hoje vamos fazer a leitura de um trecho do texto “A Esquerda que se foi, uma reflexão pessoal” de Murray Bookchin, importante personagem da esquerda norte americana e que se tornou uma das referências teóricas e política de Abdullah Ocalan, líder do PKK e do movimento Curdo como um todo.

Megafono | Spotify | Apple podcast | Outros Agregadores

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *